Resenha: A estrela de seis pontas -Bruno Oliveira


Sinopse:Há uma terra onde um rei impera com punho de ferro e massacra os pequenos; onde Tribos dominam o ar, a água, a terra ou o fogo; e onde feiticeiros albinos servem submissos ao bem comum... Nessa terra nasce uma aventura que te levará numa fantástica viagem ao mundo de Arkhai. Tudo tem início quando Khiara, a legítima princesa arkhaíta, desperta de um feitiço que durou dezesseis anos. Ela tende a buscar o seu passado, resgatando tudo o que ficou para trás, enquanto o seu irmão Kendry ainda dorme. Na companhia de alguns jovens que encontra pelo caminho, com os quais cria um laço eterno de irmandade, Khiara descobre muitas mentiras e tramas por poder. Uma jornada viciante que guarda muitos mistérios e que pode trazer um final não tão feliz.

Gente do céu, li o livro no começo do mês mas só consegui vir fazer a resenha agora, de tão incrível que foi, ainda não me recuperei.

"Quando alguém ama outro indivíduo, ela cria um laço de energia que a prende à pessoa amada de uma forma quase indestrutível."


É aquele livro que você quer ler logo de tão envolvente que é, e ao mesmo tempo não quer que acabe.

Tem algo que eu reparei no livro, que foi uma das coisas que mais me fez gostar dele, que é que o livro não tem furos, é tudo bonito e bem feito, além de que o enredo é criativo e cativante.

A trama começa quando a anos atrás, a rainha de Arkhaí sofre com uma "cilada". Não conseguiu salvar sua vida, mas conseguiu salvar a dos gêmeos que carregava no ventre, com uma magia que selava a alma de cada um com outras duas pessoas, que foram Kevan, seu cunhado, e seu irmão.

Anos depois, os irmãos ainda permanecem adormecidos. Até que então Khiara acorda, depois de dezesseis anos dormindo.

Depois de um ataque, sai em uma jornada, com Brayan, que mais tarde descobre ser seu meio-irmão e Morganna Gand, primogênita da tribo das águas.

No caminho, encontram também Safira Jater, que estava com a missão de encontrar Khiara, assim como outras pessoas, o irmão de sua mãe, que havia assumido o trono após essa morrer, estava em busca da garota.

É um livro cheio de reviravoltas, quando você acha que não, tem um traidor, alguém que "renasce das cinzas", alguém que não é o que você achava. Ou seja, o livro não se torna em nenhum ponto cansativo de ler.

Além de que, Bruno nos presenteou com uma escrita maravilhosa, e quebrou meu coração diversas vezes, principalmente no final.

E outra coisa que gostei muito, é que os casais são totalmente inusitados, e mesmo assim, há uma química inacreditável entre cada um, uma conexão que dá para sentir.

Você sente cada emoção através da escrita, os laços de amizade inquebráveis e o amor, além da tremenda ação e fantasia que estão envolvidos, me arrependi de não ter lido antes.

Narrado cada capítulo por um personagem, Bruno não deixou sua escrita se perder e nos apresentou o maravilhoso mundo de Arkhaí, esse com certeza é um dos meus livros favoritos! Ansiosa pela continuação <3

Avaliação: 📕📕📕📕📕 (5/5)
"A honra e a dignidade é que dizem tudo sobre nós."



Nenhum comentário:

Postar um comentário